sábado, 30 de maio de 2015

Um pequeno amor perdido em Alice.

Então a lagarta sorriu ao dizer "Se não sabes as perguntas, como saberá se essas são as respostas? Se não sabes quem é, como saberás quem sou?"
'Ora!' Alice indagou, 'você mesmo disse ser a lagarta'
'Como podes confiar em mim se a tão pouco me conheces? Aliás, tu te conheces para ao menos me conhecer'
'Mas por qual motivo me diria que é outra pessoa se não você mesma?' Alice inclinou a cabeça tentando entender.
'Ai que esta seu problema pequena Alice.' Sorriu a lagarta 'você confia nas pessoas, quando não poderia nem confiar em ti, não foi você quem disse que já mudou tantas vezes? Pode confiar na Alice que era de manhã? E na Alice que será daqui dois minutos ou quando essa conversa acabar? Se não sabes o destino, como me pergunta o caminho?'